Carson City-Atlantic

antes... Minden-Carson City

   
    Os meus anfitriões levantaram-se cedérrimo, foram buscar-me ao motel e seguimos, todos, para o aeroporto.
    Depois de tudo feito, estava no ar às 7 da manhã.
    Por acaso, até me senti bem durante todo o vôo, apesar de ter permanecido cerca de 5 horas e meia a 13.000 pés de altitude (na travessia das Montanhas Rochosas), sem oxigénio.
    O vôo teve o seu início numa região árida e depois muito montanhosa – as Montanhas Rochosas, mas depois já quase no destino entrei numa zona muito bonita cheia de propriedades agrícolas e com uma densidade populacional apreciável. Sobrevoei os estados de Utah, Wyoming, Nebraska e Iowa

    Não tive queixas em relação à meteorologia e o tempo que encontrei durante vôo não se afastou um milímetro em relação à previsão – céu limpo.
    Aterrei num aeródromo municipal chamado Atlantic Municipal (Iowa) e logo o Bob Pettis, se aproximou do avião dando-me toda a assistência, incluindo a boleia para um motel próximo.
    Chegado ao motel, comecei a sentir-me de novo mal disposto, aliás denominador comum dos últimos dias em Carson City. Dores de cabeça e um certo enjoo.



António Faria e Mello

a seguir... Atlantic-Bangor

 

 
  © Antonio Faria e Mello - Wings of Stubbornness - 2003